Atlas Copco Brasil - Ferramentas e Soluções Industriais
Our solutions
Ferramentas e Soluções Industriais
Solutions
Indústrias atendidas
Ferramentas e Soluções Industriais
Energia Portátil
Solutions
Produtos
Energia Portátil
Energy Storage Systems
Atlas Copco Rental
Solutions
Compressores
Solutions
Produtos
Compressores
Produtos e soluções
Solutions
Sistemas de armazenamento de energia

Kit MWR versus Focus 61: Parte I

Articles Products Industries

Uma decisão difícil

Às vezes, decidir qual solução é a melhor para uma aplicação pode ser mais desafiador do que o previsto. Há muitas coisas a serem consideradas em uma decisão como esta. Com a introdução do Kit MWR, agora existem duas opções para o uso de um MWR.

Na maioria das situações, conseguir determinar qual opção é a melhor torna a vida um pouco mais fácil.

Simultaneidade de tarefas

Claro, ter seis chaves funcionando de uma vez é ótimo e é possível economizar tempo em um trabalho específico. Mas em outras situações, ter apenas duas funcionando simultaneamente é suficiente.  

Focus 61 permite ao usuário usar duas chaves simultaneamente – em um controlador. Melhor ainda, com o recurso de reserva implementado no Focus 61, o usuário pode ter ativamente um MWR programado e pronto para usar com o mesmo Pset que a chave primária.

Quer ainda mais? Você precisa de mais chaves para trabalhar em uma determinada ordem? Tenha certeza de que, com o Focus 61, o usuário pode também conectar até 10 chaves de cada vez, e trabalhar nelas em sequência. Com o uso de um leitor de códigos de barras ou um protocolo aberto, é possível selecionar trabalhos ou Psets específicos e utilizar as chaves na ordem necessária.

No entanto, para aplicações de protocolo aberto, pode ser recomendável consultar primeiro o pessoal de marketing e certificar-se antecipadamente de que irá funcionar sem problemas. Como sempre, os especialistas estão aqui para ajudar.

Necessário: chave mecatrônica

Às vezes, tudo o que um usuário precisa é usar uma chave mecatrônica. E na maioria desses casos, o Focus 61 é o melhor candidato para o trabalho. No entanto, se houver uma aplicação que se adeque perfeitamente ao MWR e não houver para um PF6000 sendo usado atualmente – ou o PF6000 não está com o software mais moderno – o Focus 61 é o ideal.

Por que ele é tão ideal? O controlador é pequeno, tem um alcance de 30 pés e faz sentido usá-lo se não houver necessidade de outras ferramentas a bateria na mesma área.

Quando o trabalho pede o MWR somente, o Focus 61 tem um currículo sólido para enviar.

Fazer o que você precisa

Você tem uma aplicação que utiliza uma leitura de código de barras para iniciar um trabalho? Há algum ponto de atenção no qual o cliente confia para dar feedback crítico aos seus clientes? E o envio de sinais OK/NOK simples via E/S para um aperto?

Uma notícia boa: todos esses recursos estão disponíveis através do Focus 61. E ainda há mais: tudo pode ser configurado por meio de um TTBLM. Sua equipe da Atlas Copco pode até instalar um desses acessórios para cada estação.

Principais conclusões

O Focus 61 e o Kit MWR são soluções dinâmicas com diferentes posições que podemos configurar para funcionar melhor para nossos clientes. Porque, no final, analisar o que funcionará melhor para o usuário, e elaborar e implementar um plano a partir deste ponto, é onde está a principal prioridade da nossa equipe.

Confira o post subsequente – Kit MWR versus Focus 61: Parte II – para continuar a leitura.

Entre em contato com a Atlas Copco hoje mesmo caso tenha dúvidas ou se desejar agendar uma visita a suas instalações.