Equipando a Tesla

Se a Tesla tem a missão de acelerar a transição mundial para um transporte sustentável, a Atlas Copco tem como missão assegurar uma eficiente linha de montagem de veículos elétricos. Todos os fixadores rosqueados essenciais em um veículo Tesla são instalados com ferramentas Atlas Copco.

25 de Junho de 2018

A Tesla não é como a maioria dos outros fabricantes de automóveis norte-americanos. Em primeiro lugar, ela só produz veículos elétricos. Em segundo lugar, esses veículos elétricos não são fabricados na cidade de Detroit ou nas suas proximidades, onde as tradicionais "Três Grandes" montadoras - Ford, Chrysler e General Motors - estão localizadas. A empresa, recém-chegada e ecologicamente correta, nasceu e cresceu no Vale do Silício, nos EUA.

Um olhar sobre o chassi revela ainda mais diferenças. Ao contrário do tradicional motor de combustão a gasolina - com centenas de peças móveis - os motores elétricos dos veículos Tesla têm apenas uma: o rotor. Como resultado, a aceleração é instantânea.

Absurdamente rápido

“O "Modo Absurdo" torna o modelo S um dos mais rápidos sedans do mercado, indo de zero a 60 milhas por hora em 2,8 segundos.”

Elvis Jagat , Gerente de Desenvolvimento de Negócios da Atlas Copco
A ferramenta Tensor STB da Atlas Copco é usada para outra aplicação.

A ferramenta Tensor STB da Atlas Copco é usada para outra aplicação.

Jagat trabalha com o Tesla desde o lançamento do emblemático Modelo S, em 2012, que tem uma bateria de 85 quilowatt/hora com autonomia oficial de 426 quilômetros.

A Califórnia tem pouca experiência na fabricação de automóveis. Em um ambiente dominado pela tecnologia como o Vale do Silício, o conhecimento de montagem de automóveis era limitado, diz ele, o que significava que a Tesla dependia estritamente da Atlas Copco como parceiro estratégico para entender o processo de montagem. Quando o Modelo S foi lançado, a Atlas Copco foi um fornecedor fundamental de ferramentas de fixação para o veículo.

"Entrei quando a Tesla estava em fase de arranque em seu processo de fabricação, e esse suporte foi a chave para o sucesso", afirma Jagat.

Enquanto trabalhavam em conjunto para criar uma linha de montagem eficiente e estável, Jagat logo provou que as ferramentas de montagem da Atlas Copco eram mais confiáveis do que os modelos concorrentes. Desde 2014, a Atlas Copco forneceu 100% das ferramentas para manuseio de fixadores essenciais à montagem e mais de 90% de todos os fixadores não-essenciais. Cerca de 85% da fábrica utilizam as linhas de baterias STB para ferramentas da Atlas Copco. Atualmente, oito engenheiros de serviço da Atlas Copco trabalham no local para garantir o funcionamento eficiente das ferramentas em todas as etapas do processo de produção.

Ferramentas robustas

“Como não há nenhum motor de combustão, nossas ferramentas são usadas para montar todas as unidades de transmissão e todos os componentes eletrônicos utilizados nos veículos - desde a tela de 17 polegadas sensível ao toque às rodas que mantêm o S na estrada, além de todos os conectores de placas de circuito e para testes de todas as juntas no laboratório.”

Elvis Jagat , Gerente de Desenvolvimento de Negócios da Atlas Copco

Na indústria automobilística, ferramentas elétricas altamente sofisticadas são usadas para o controle de qualidade de todas as juntas top de linha. Uma falha em uma dessas juntas pode acarretar consequências tanto para o condutor como para outras pessoas ou outros veículos nas proximidades do carro, por isso, são necessários os mais altos níveis de qualidade.

"Há mais de 200 juntas essenciais em um carro, e nós asseguramos 100% de rastreabilidade de todas elas", afirma Jagat. "Dados como torque, ângulo e resultado, bem como carimbos de data e hora de todos os nossos sistemas de ferramentas, são armazenados em nosso sistema toolsNET para todas as juntas fabricadas por nossas ferramentas de promoção de marcas dos sistemas Power Focus e Power Macs."

Levando em consideração as vendas do seu último modelo, o Modelo X, a Tesla produziu cerca de 50.000 carros em 2015.

“"Ter a Tesla como parceira é ter um parceiro com o qual podemos crescer juntos", declara Jagat. "Testemunhamos o crescimento da produção da Tesla de 15.000 para 50.000 carros por ano. A Atlas Copco é um fornecedor global, por isso, onde quer que ela comece a produzir, podemos fornecer exatamente as mesmas soluções, independentemente da localidade ou do país. Essa é uma parceria que podemos ampliar em todos os nossos processos, mesmo quando a produção anual da Tesla passar de 50.000 para 100.000 carros.”

Elvis Jagat , Gerente de Desenvolvimento de Negócios da Atlas Copco

A Tesla tem planos para aumentar a produção atual dos veículos Modelo S e do Modelo X, bem como de introduzir um novo veículo destinado a ter um apelo mais abrangente para o público em geral.

Sobre a Tesla

A Tesla Motors foi fundada em 2003 por um grupo de engenheiros no Vale do Silício, nos EUA, que queriam provar que os carros elétricos poderiam ser melhor do que os carros movidos a gasolina. O Tesla Roadster foi o primeiro carro esportivo totalmente elétrico, e 2.400 Roadsters foram produzidos entre 2008 e 2012. O Modelo S, o primeiro sedan elétrico do mundo, foi lançado em 2012. Sua bateria plana está integrada ao chassi e localizada abaixo da cabine dos ocupantes, dando ao carro um centro de gravidade mais baixo que permite uma boa aderência ao terreno e boa dirigibilidade, com autonomia de 426 quilômetros por carga. Após o Modelo S, foi lançado o Modelo X, um utilitário crossover.