A FlexiROC T45 prova a sua superioridade

A Mineral Baustoff GmbH, da Alemanha, membro do STRABAG SE Group, é uma das principais produtoras de matérias-primas da Europa.

Para garantir o fornecimento de produtos de primeira classe aos seus clientes, a empresa opera cerca de 200 pedreiras na Europa que produzem material de alta qualidade, como calcário, granito, gnaisse e granulito.

De acordo com Uwe Posdzich, do departamento de perfuração e detonação na Mineral Baustoff, Strabag insiste em produtos que não apenas cumpram as exigências de qualidade e eficiência de custos, mas também rigorosos requisitos operacionais, bem como as normas modernas de sustentabilidade. E esta é a política, aponta, que é um pré-requisito para uma relação comercial de sucesso.

“Principalmente, a durabilidade e a qualidade de uma unidade de perfuração são os fatores mais importantes.”

Uwe Posdzich, Mineral Baustoff GmbH

No que toca as unidades de perfuração, qualidade e durabilidade também são características importantes, afirma Posdzich, mas o fator mais importante é assistência comprovada.

"A tendência é que os produtos estão cada vez mais complexos, por isso precisamos ter parceiros de confiança ao nosso lado que possam nos aconselhar com competência e confiabilidade", explica. "A Atlas Copco, em particular a FlexiROC T45, atendem esses requisitos."

Compra de um FlexiROC T45 pela Mineral Baustoff deveu-se principalmente ao baixo consumo de combustível da carreta de perfuração e à notável qualidade dos furos que produz.

A capacidade da FlexiROC T45 para fazer o emboque dos furos com extrema precisão, resultando em furos com retilinearidade excelente, provou ser decisiva, especialmente em comparação com outras unidades de perfuração comparáveis.

Antes de tomar essa decisão de compra, a Mineral Baustoff colocou as unidades de perfuração de vários fabricantes diferentes em teste. Cada fornecedor abriu um furo na mesma formação geológica para garantir que a comparação fosse a mais justa possível.

Durante o período de teste, a FlexiROC T45 superou as outras plataformas de perfuração tanto em termos de consumo de combustível quanto de qualidade do furo escavado. Além disso, a FlexiROC T45 também apresentou a melhor experiência de facilidade de uso.

“Só trabalhamos com os fabricantes com quem partilhamos os mesmos valores.”

Uwe Posdzich, Mineral Baustoff GmbH

A Mineral Baustoff também ficou impressionada com o sistema de telemática CERTIQ da Atlas Copco, que fornece ao usuário dados de máquinas em tempo real, como medidores perfurados, consumo de combustível e localização. Isso permite aos proprietários monitorar e otimizar os processos operacionais internos.

Outra questão que reforça a relação entre a Mineral Baustoff e o seu fornecedor é a abrangente gama de equipamentos da Atlas Copco. A Mineral Baustoff não só utiliza unidades de perfuração da Atlas Copco, mas também a linha robusta de ferramentas perfuratrizes da empresa.

Fatos operacionais sobre a FlexiROC T45 da Mineral Baustoff

Hastes de perfuração: Coroas perfuratrizes Speedrod T60: coroas esféricas de 102 mm Profundidade do furo: 10 a 28 m Consumo de combustível: 15,1 litros/h

FlexiROC T45

A unidade de perfuração versátil e com martelo Top-hammer FlexiROC T45 foi projetada para alto desempenho em exigentes aplicações de perfuração. Estudos de campo mostraram que exige até 50% menos combustível do que o modelo anterior.

Certiq

O Software de Telemática da Atlas Copco Certiq compara e faz a comunicação da máquina através de 3G, GPRS ou via satélite com um servidor local em uma pedreira ou mina, que envia os dados a um servidor central. Os dados coletados podem ser consultados a qualquer momento através de um portal web.

Pedreira