Uma peso-pesado leve

22 de Julho de 2015

Calcular quanta rocha precisa de escavação nos preparativos para um projeto de construção normalmente é um processo bastante preciso. Mas em Vega, enquanto esse processo estava em andamento, foi decidido que um dos edifícios seria realocado a vários metros do local original, resultando em mais rocha do que o planejado originalmente.

Kjell Jinneby estima que isso representará 8.000 metros cúbicos. Convertido para quilogramas, isso significa que cerca de 20.000 kg precisarão ser perfurados e detonados. "Este é o maior trabalho que eu já assumi e é muita rocha para esta pequena carreta de perfuração", afirma Jinneby, que tem tocado a empresa familiar, Kjell Jinneby Allservice AB, juntamente com sua mulher Johanna, nos últimos 10 anos.

A família concentra-se principalmente no transporte com caminhões, escavação e perfuração de rochas, mas agora que atualizaram a frota de perfuração com uma FlexiROC T15 R, será mais fácil assumir tarefas maiores. Três blocos de apartamentos para aluguel estão sendo construídos nesse local e pouco mais adiante haverá mais dois. Nesse novo bairro Vega, localizado entre Handen e Skogås, fora de Estocolmo, grandes planos de construção estão em curso. Espera-se que a área terá aproximadamente 10.000 habitantes. Existem ainda planos de expansão do sistema de transportes públicos e haverá uma estação completamente nova para trens de subúrbio aqui.

“Estamos trabalhando próximo a uma creche infantil, mas felizmente eles ainda não abriram. Tudo aqui é novo em folha.”

Kjell Jinneby, Proprietário da Kjell Jinneby Allservice AB

Não tem havido vibrações altas nos prédios próximos durante a perfuração, apesar do fato de que os furos perfurados têm 10 m de profundidade. Por outro lado, as grandes diferenças na altura da bancada foram um desafio. Elas variam entre dois e dez metros. A elevada capacidade de descarga da unidade de perfuração, combinada com o alto nível de torque da unidade de rotação, permite que esses furos profundos sejam perfurados. "Mas na minha opinião não existe diferença de desempenho de perfuração nessas diferentes alturas. Os furos podem ser perfurados em linha reta, sem bloqueio da coluna de hastes", afirma Kjell. Outra vantagem dessa carreta de perfuração é que o seu sistema de manipulação de hastes agora tem um avanço maior. “Graças ao avanço maior, não preciso gastar meu tempo montando as hastes de perfuração", afirma. Nos últimos quatro anos, ele usou a versão anterior, a FlexiROC T15. O motivo é que ele quer o novo avanço mais longo para usar as hastes de 12 pés.

“Quero que faça o trabalho e quero evitar perturbações e paradas. Ao mesmo tempo, aumento o valor do equipamento.”

Kjell Jinneby, Proprietário da Kjell Jinneby Allservice AB

Para garantir a operação contínua e livre de problemas, ele também assinou os contratos de assistência ROC Care e COP Care com a Atlas Copco. Kjell trabalha no setor de detonação de rocha há "apenas" 10 anos, como ele diz. "Eu trabalhei com serviços de transporte e caminhões durante um longo tempo antes de cair neste negócio, por meio de um colega que sabe de que se trata esse negócio." afirma. Além de sua esposa, que ajuda a administração da empresa, sua filha Elina, ex-confeiteira, começou agora a dar uma mão com os trabalhos de detonação - pode-se dizer que é o primeiro passo para uma carreira explosiva.

2015 Relato de cliente Civil Engineering Surface construction & quarrying Construção